Segunda versão do aplicativo móvel é lançado pelo SIBiUSP

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

app celular SIBiUSP

As bibliotecas universitárias, para cumprir sua missão de potencializar o desenvolvimento e produção de novos conhecimentos, sempre evoluíram atreladas às tecnologias de comunicação e informação (TIC) baseadas na internet, acompanhando as tendências de comportamento na busca e acesso à informação de seus usuários.

Nesse sentido, o Sistema Integrado de Bibliotecas da Universidade de São Paulo (SIBiUSP) lançou em dezembro de 2014 a primeira versão do aplicativo móvel do SIBiUSP, intitulado Bibliotecas USP. Com o novo dispositivo, tornou-se possível encontrar a localização de uma publicação e verificar sua disponibilidade nas bibliotecas da USP. O aplicativo também oferece outras funcionalidades facilitadoras como a leitura do código de barras de um livro, indicando se existe aquela publicação em alguma biblioteca da USP, a possibilidade de definir listas de desejos, sugestões e referências sobre as publicações encontradas, e a exportação das listas por e-mail ou para um DropBox, além da indicar a localização das bibliotecas da USP em um mapa e os respectivos horários de funcionamento, telefones e emails.

Desde então, as equipes da Superintendência de Tecnologia da Informação e do DT/SIBi, coordenadas pelo Prof. Dr. Jun Okamoto Junior, da Escola Politécnica (EPUSP)​ vêm trabalhando no desenvolvimento de uma nova versão para melhorar ainda mais o dispositivo.

Hoje, 10 de agosto de 2015,​ entra na AppStore da Apple e na Google Play a versão 2.0 do aplicativo Bibliotecas USP. Essa versão traz inúmeras novidades, a principal delas é a integração com a senha única da USP (https://uspdigital.usp.br/​). Confira a lista de novas funcionalidades:

IMG_5038

  • ​Login via Sistemas USP;
  • Reservar itens emprestados;
  • Renovar itens emprestados;
  • Visualizar Lista de empréstimos ativos;
  • Visualizar Histórico de empréstimos;
  • Visualizar e gerenciar a Lista de reservas;
  • Visualizar mensagens enviadas pela biblioteca.​​

​​No intuito de explorar essas novas possibilidades, o DT/SIBi desenvolveu dois tutoriais de uso para os aparelhos móveis da Apple (sistema operacional IOS) e para aqueles que utilizam o sistema operacional Android.

Hoje, uma das principais tendências de comportamento dos usuários que se apresenta para a biblioteca universitária aponta para a mobilidade. Um relatório da consultoria Kleiner, Perkins, Caufield & Byers (KPCB) sobre as tendências que são consideradas chave para a internet durante o ano de 2015 mostra o crescimento da conectividade e do acesso através de dispositivos móveis, entre outras tendências detectadas [1]. Uma outra pesquisa, desta vez nacional, conduzida pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) divulgou os resultados da pesquisa anual realizada pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br), entidade que integra o Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), sobre o uso da Internet por crianças e adolescentes. Destaca-se entre os resultados da pesquisa, chamada TIC Kids Online Brasil, que 82% do público jovem faz uso da Internet pelo telefone celular [2].

No que diz respeito às bibliotecas universitárias, recentemente foi publicado os resultados de uma pesquisa que analisa os serviços móveis oferecidos por bibliotecas das 100 melhores instituições universitárias dos Estados Unidos. O artigo “A Library in the Palm of Your Hand: Mobile Services in Top 100 University Libraries“, de autoria de Yan Quan Liu, professor da Tianjin University of Technology, China, e Sarah Briggs, especialista em mídia da Jonathan Law High School de Milford, em Connecticut, EUA, mostra que todas as 100 bibliotecas universitárias pesquisadas oferecem pelo menos um serviço móvel, também indicando a necessidade de um design responsivo para os sites das bibliotecas, a fim de que seus usuários possam acessar a página online da biblioteca a partir de qualquer dispositivo móvel. Os entrevistados recomendam que as bibliotecas que consideram oferecer seus serviços através de telefonia móvel comecem a fazê-lo o mais cedo possível, pois preveem que a demanda dos usuários por estes serviços deverá aumentar [3].

IMG_5061O SIBiUSP, alinhado com as essas tendências, tem estudado novas formas de levar à comunidade melhores serviços e produtos. Atualmente cerca de 9% dos acessos ao website do SIBiUSP são realizados a partir de dispositivos móveis. Os acessos móveis ao catálogo Dedalus já somam 18%. O lançamento da segunda versão do aplicativo Bibliotecas USP visa atender esta demanda emergente dos usuários.

Baixe o aplicativo:

Get it on Google Play 

Referências

1.  RELATÓRIO: Internet Trends 2015 – Code Conference: http://www.kpcb.com/file/kpcb-internet-trends-2015

2.  PESQUISA: TIC Kids Online Brasil – 2014, Crianças / Adolescentes: http://cetic.br/pesquisa/kids-online/indicadores

3. Yan Quan Liu; Briggs, Sarah. A Library in the Palm of Your Hand: Mobile Services in Top 100 University Libraries. Information Technology and Libraries, jun, 2015. Disponível em: <http://ejournals.bc.edu/ojs/index.php/ital/article/download/5650/pdf>. Acesso em: 10 agosto 2015.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •